fbpx

Psicopedagogo, hoje é um dia Especial.

Hoje é um dia mais que especial. Por isso, devemos repensar a importância que tem nossa representação na sociedade. Com essa pandemia não temos vivido como gostaríamos mais certamente aprendemos o quão valioso são as pequenas coisas e gestos.

A Psicopedagogia conquista seu espaço a cada dia…

Com o passar do tempo à escola mudou e os alunos mudaram. As tecnologias ingressaram nesse âmbito. Professores, coordenadores e seus planos acabaram se tornando defasados e necessitando de atualização.

Paradigmas ultrapassados ou esgotados perderam espaço para paradigmas emergentes ou inovadores, o que não diminuiu consideravelmente o compartimento e isolamento da escola em relação à realidade de cada educando. Muitas vezes desmotivado e amedrontado pela reprovação, num local em que as necessidades individuais de aprendizagem não são atendidas.

É neste contexto atual que o Psicopedagogo conquista espaço. Uma observação minuciosa e uma escuta atenta sem “pré-conceitos”, assinalada pela imparcialidade, pode detectar a real problemática. “Esse é o papel do psicopedagogo: olhar em detalhe, numa relação de proximidade, porém não de cumplicidade”, afirma Césaris (2001); facilitando o processo de aprendizagem.

O papel da Psicopedagogia e da Educação é o de instituir caminhos entre os opostos que liguem o saber e o não saber e estas ações devem acontecer no âmbito do indivíduo, do grupo, da instituição e da comunidade, visando à aprendizagem.

O processo de construção/reconstrução adquire significados diversos em função das características próprias do indivíduo, como também do contexto, da cultura, da família e da escola em que está inserido.

O processo de aprendizagem pode ser positivo, prazeroso e eficaz, mas, por outro lado, o inverso pode ocorrer, e o aprender torna-se uma dificuldade e um desprazer. É precisamente pela aprendizagem que o ser humano se constrói.

Neste sentido nota-se que se faz cada vez mais necessário a acompanhamento psicopedagógico, visto que seu papel é crucial para analisar e assinalar os fatores que favorecem, intervém ou prejudicam uma boa aprendizagem.

Nesse dia tão especial é importante não esquecer quão importante é a nossa missão com aqueles que por diversos motivos e fatores tem sofrido com as dificuldades de aprendizagem. Somos terapeutas do saber e estamos aqui com apenas um dever:

“ Ajudar todos aqueles que precisam aprender”.

Francisca e Vinícius representam os milhares de psicopedagogos que todos os dias dedicam seu tempo, amor e carinho, transformando tudo a sua volta e fazendo a diferença nesse mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Chamar no WhatsApp