fbpx

Dificuldades Secundárias de Aprendizagem – Estudo de Caso.

Caso Daise: Daise , com 11 anos e cursando a 6ª série, realiza avaliação psicopedagógica, dadas as seguintes queixas: mau desempenho escolar (ficou em recuperação em 7 disciplinas no ano anterior); não entrega de tarefas; desempenho irregular; problemas de relacionamento e fobias.

Da história pregressa não há dados significativos de alterações no desenvolvimento: choros até o 3º mês (fome e cólicas); distúrbio de sono e respiração bucal por rinite alérgica.

Consultadas duas escolas frequentadas pela menina, as queixas eram as mesmas:

  • Dificuldades na ortografia e produção textual;
  • Dificuldades na matemática;
  • Problemas de relacionamento com colegas;
  • Timidez, não pergunta embora pareça atenta.

A síntese da avaliação psicopedagógica foi a seguinte:

  • Sintomas de ardência nos olhos, sono e lacrimejamento ao ler;
  • Frequência de erros ortográficos em nível levemente inferior ao esperado para a faixa de escolaridade;
  • Produção textual empobrecida;
  • Dificuldades de integração perceptiva;
  • Desempenho cognitivo operatório concreto (fase i) parcialmente compatível com sua faixa etária.

CONCLUSÃO

As dificuldades apresentadas por Daise nesta avaliação não parecem configurar um quadro de Transtorno de Aprendizagem. Sugere-se avaliação psicológica e ortóptica para configurar melhor o diagnóstico. Solicitada avaliação psicológica, os resultados indicaram um desempenho intelectual em nível médio e um diagnóstico psicológico de Transtorno Oposicional Desafiante, segundo DSM-V. Portanto, as dificuldades de aprendizagem pareciam ser decorrentes dessa situação e também das alterações constatadas em sua musculatura ocular.

Foram indicados os seguintes procedimentos:

  • Psicoterapia;
  • Tratamento ortóptico, já que apresentava estrabismo latente alternante para perto, com grande insuficiência de convergência. Foi necessário início imediato no tratamento, pois o desvio para perto era muito grande;
  • Acompanhamento com amiga pedagógica qualificada que, orientada pela psicopedagoga, auxiliou na recuperação dos conteúdos em defasagem.

Avaliações de Daise:

Imagem-01-DAISE.jpg
Imagem 02 DAISE
Imagem 03 DAISE

Fonte:

http://www.revistapsicopedagogia.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Chamar no Whatsapp