Como a Cromoterapia pode ajudar pessoas com Autismo?

A percepção das cores por pessoas com autismo varia conforme a história, experiência e o contexto em que o indivíduo se encontra. 

A cromoterapia, tratamento feito por intermédio das cores, é uma das intervenções que tem se mostrado eficaz no autismo, e tem surpreendido na maioria dos casos. É importante que seja feito sempre com um acompanhamento do médico e da equipe multidisciplinar, avaliando cuidadosamente as condições de cada pessoa.

Quando se trata de pessoas com autismo, a percepção das cores não necessariamente se manifesta de acordo com essas experiências, pois a cor pode causar sobrecarga sensório-visual, ou ser objeto de obsessão e alívio, de acordo com a hiper ou hipossensibilidade de cada indivíduo com autismo.

A pessoa com autismo, na maior parte das vezes, apresenta muitas dificuldades no processo de discriminação cromática independentemente de existir ou não alguma hipersensibilidade. 

Algumas cores geram sentimentos e emoções específicas em pessoas com autismo. Por exemplo, a cor azul estimula o sentimento da calma e de maior equilíbrio nas pessoas com o transtorno neurológico, enquanto que a cor está associada à influência da verbalização das pessoas em um âmbito geral. Então, caso aconteça uma sobrecarga sensorial como citado anteriormente no texto, o azul auxilia para o bem-estar do indivíduo, trazendo mais tranquilidade e leveza para o autista.

Já as cores laranja e amarela, por serem muito próximas, podem ajudar no estímulo social das pessoas com autismo. Elas quebram uma monotonia, e são muito usadas ao despertar a alegria e bom-humor de uma maneira relevante no indivíduo. As cores conseguem ultrapassar as barreiras da mente, levando um pouco de equilíbrio emocional ao autista.

Ensinando as cores para um Autista

Ensinar cores para autistas não é uma tarefa muito fácil, já que é difícil para elas fazer associações. Por isso, não sobrecarregue a pessoa com muitas opções de cores, tente limitar as escolhas dela de modo que ela se sinta confiante a respeito do que deve escolher, uma vez que, caso a pessoa tenha muitas alternativas para escolher, pode sentir-se um pouco confusa.

Para que a pessoa não crie implicações desnecessárias, tente limitar as escolhas do autista modo que ele se sinta confiante a respeito do que deve escolher. Por exemplo:

  • Coloque apenas duas cores de tonalidades distintas sobre a mesa.
Esteja ciente de que algumas crianças podem ter fortes reações a determinadas cores.

Antes de começar a intervenção por meio das cores, é importante que o profissional conheça seu aprendente e suas opções individuais, pois algumas pessoas autistas podem ter fortes preferências quando se trata de cores, de modo que os possíveis sentimentos de desejo ou desgosto podem interferir em sua aprendizagem.

Nós da PsiquEasy separamos alguns exemplos para você realizar suas Intervenções com Autistas:

As três FORMAS GEOMÉTRICAS apresentadas, o quadrado, retângulo e octógono, estão representados em cores diferentes, isso fará com que a pessoa com autismo possa separar as cores, como também irá facilitar seu processo de aprendizagem.

Nesta imagem, a pessoa com autismo pode pintar as diferentes formas geométricas da maneira que lhe for desejável. Essa atividade é importante para trabalhar a diferenciação das cores e também fazê-la se adaptar com as formas geométricas.

Sabemos que a intervenção por meio das cores é apenas uma técnica dentre tantas outras. Por isso, lançamos o material “Intervenção Psicopedagógica – Autismo Vol. 04”, onde cada atividade preparada leva em conta as necessidades da pessoa com autismo. 

O material contém 254 páginas que irão te ajudar durante o desenvolvimento de novas habilidades socioemocionais, cognitivas, sensório-motoras e de comunicação da pessoa com autismo.  Tudo isso sendo tratado por meio do prazer e da interação social.

É importante que as atividades para a intervenção no autismo sejam motivadoras, acessíveis e que promovam com eficácia o desenvolvimento de habilidades específicas. 

Você pode escolher entre dois formatos: Impresso e Digital

capa Intervenção Psicopedagógica – Autismo – Vol 04

Formato 1: Original Digital
Em até12x de R$5,94 no cartão ou a vista no Boleto.
 De R$75,90 por R$59,90Promoção de Lançamento.


Formato 2: Original Impresso

Em até 12x de R$22,65 no cartão ou a vista no Boleto.
 De R$296,60 por R$232,40Promoção de Lançamento.
Frete Grátis para todo o Brasil!

Enviar o endereço para WhatsApp  021-97421-7212 ou e-mail contato@psiqueasy.com.br


Envio Impresso: Assim que o pagamento for identificado, o material será postado no correio em 1 dia útil.

Envio Digital: Assim que o pagamento for identificado, o material será enviado para seu e-mail (em horário comercial).


Tire agora suas dúvidas pelo WhatsApp  021-97421-7212.

2 thoughts on “Como a Cromoterapia pode ajudar pessoas com Autismo?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Chamar no Whatsapp